24/04/16

NA SERRA ALTA - PORTUGAL - A OBRIGAÇÃO E O BEM


"Na falta das autoridades legítimas, ou seu bloqueio, cabe aos restantes portugueses comunicarem-se dos acontecimentos, vigiar, cooperar, dar manutenção, e proteger Portugal. Impedir, difamar, emperrar ou negar tais obrigações e direitos é por si um ataque profundo a Portugal."


(na serra alta - J. Antunes)

2 comentários:

S.R. disse...

A situação atual exige uma acção extraordinária por parte dos leigos, para ajudarem-se mutuamente, já que os profetas emudecem, que falem as pedras....!!!

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Caro S. R.,

obrigado por comentar.

Quando assim é, aquilo que podemos fazer não é tomar o lugar dos superiores e legítimos que estão em falta, como se agora nem falta fizessem, mas sim que: se faça o MÍNIMO possível para as coisas fundamentais. Por outro lado, lembro que há sempre que ache que não temos direito à auto-defesa, e que a ache uma violação não sei a que coisa. Enfim!

Volte sempre.

TEXTOS ANTERIORES