04/04/17

Vídeo - MANUEL CARDOSO - alguns dados

Manuel Cardoso (1566 - 1650), compositor português


5 comentários:

Anónimo disse...

Bom dia,

Fiz "download" de alguns discos desse magnífico compositor através do extinto blog "radiomesaludas".

Eduardo

Eva disse...

Este fim-de-semana vou a um concerto polifonico a capella, são capazes de ter este autor lá.

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Nesta página:

http://pqpbach.sul21.com.br/category/frei-manuel-cardoso/

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Caro Eduardo,

Obrigado por ter comentado.

Antes, colei a ligação para uma página onde pode encontrar algumas obras assim (no fundo de cada artigo vem o lugar para descarregar o respectivo CD) ... Não sei se isto é fazer pirataria... espero que não, porque essa página está aberta faz anos.

Volte sempre.

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Cara Eva,

obrigado por comentar.

Cuidado com espectáculos dento das igrejas. Caso seja... é melhor não ir, pois até o "magistério pós-conciliar" manifesta-se desfavorável. Não se aplaude na igreja, não esquecer (este ponto foi até recordado por Bento XVI, e era cumprido pelo anterior Card. Patriarca de Lisboa).

Á música sacra e a música religiosa são possíveis de escutar nos templos fora dos momentos próprios de culto ou de actos de piedade. Porque estas obras, se são verdadeira música sacra e verdadeira música religiosa, contêm em si qualidades santas que prevalecem fora daqueles momentos. Contudo, devem por isso ouvir-se como tal, e não servido como mero espetáculo. Etc ...

Não pergunte pela distinção entre "música sacra" e "música religiosa" porque isso demora um pouco, pois seriam necessários exemplos até. Ambas as designações ("música sacra", "música religiosa" estão contidas no Magistério da Igreja, são distintas, e não são conceitos algo subjectivos como hoje se faz crer).

Pouco mais devo dizer...

Que lhe corra bem, então.

Volte sempre.

TEXTOS ANTERIORES