15/02/17

ABRI AS PORTAS

Há poucas horas, em conversa com um antigo amigo revi umas quase esquecidas pastas de composições, harmonizações, e orquestrações que fiz para o coro da Paróquia, quando ali fui organista e etc.. Alguns destes trabalhos estão passados a sonoro, parte deles nunca chegaram a ser executados, e nada melhor que partilhar um ou outro aqui.
 
Este que trago é um cântico que harmonizei e orquestrei lá pelo ano 2003, e chama-se "Abri de Par em Par as Portas a Cristo".
 
Quanto à gravação, trata-se de uma simulação instrumental (MIDI). As "vozes" do coro ouvem-se como fundo, e sobre elas dois instrumentos solo. Este trabalho destinava-se a corrigir a versão antiga que se cantava, e a enriquece-la. Aqui só ouviremos o refrão.

Destaco a progressiva movimentação instrumental, o desenho do baixo, o "impulso" rítmico que empresta adiantamento e frescura. Constatando que a melodia "baixa" no momento em que o sentido da letra exigia boa "subida", procura-se compensar com uma marcada ascendência feita por meio dos instrumentos.
 


(continuação, "Aleluia")

1 comentário:

ASCENDENS ASCENDENS disse...

"Abri de par em par as portas a Cristo. Abri as portas ao Redentor" é a letra.

TEXTOS ANTERIORES