05/01/17

DIÁLOGO COM Card. BURKE

Diálogo imaginário entre o  Card. Burke e um amigo meu:
 
Amigo - Senhor Cardeal, Vossa Eminência pretende corrigir o Papa Francisco?

C. Burke - Caso o Papa não dê a aclaração necessária às dúvidas em questão, então terei de proceder a tal correcção fraterna; também S. Paulo corrigiu a S. Pedro.
 
Amigo - É verdade que deu limite de tempo para tal?

C. Burke - Sim, dei tempo para a minha intervenção. Não é propriamente um limite de tempo ao Papa, porque bastaria que ele mandasse prolongar o tempo, e eu assim o faria. Trata-se de dar um limite ao meu silêncio perante o silêncio do Santo Padre.

Amigo - Mas... Vossa Eminência não sabia já previamente que Roma e o Papa nunca se retratam!?

C. Burke - Ena... esqueci-me disso!...

Amigo - Pois... E agora?

C. Burke - Ahaha... Isso do "não se retrata" não tem fundamentação histórica, e há precedentes contrários. Vai ver... nisso não vai haver qualquer problema agora.

6 comentários:

Telmo Pereira disse...

O artigo não é uma indirecta a Mons. Fellay?

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Caro Telmo,

obrigado por comentar.

nunca ouvi Mons. Fellay usar o argumento de que Roma nunca se retrata (nem sei se alguma vez defendeu tal). Esse "argumento" ouvi-o pela primeira vez em 2009 logo após a publicação do decreto de "levantamento das excomunhões", e foi depois repetido algumas vezes.

Agora com a iniciativa do Card. Burke vi que certo amigo, que apoia aquele tal "argumento", também apoia a iniciativa deste Cardeal. Uma e outra coisa não são exactamente o mesmo caso, é certo, mas por justiça e analogia o que legitima o segundo legitima o primeiro.

Aproveito para dizer que sim, Roma retracta-se, há precedentes... contudo, a matéria ficou em 2009 como que dissolvida!

Volte sempre
(Pedro Oliveira)

Anónimo disse...

3 dias depois deste artigo sair, o Card. Muller veio dizer que não haverá correcção ao Papa. É estranho, parece que andaram a ler aqui o artigo. Já não digo nada.

Anónimo disse...

http://www.lastampa.it/2017/01/08/vaticaninsider/es/vaticano/mller-no-habr-ninguna-correccin-al-papa-PxQetSRCmrYTucwT1t2R1O/pagina.html

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Caro "anónimo",

obrigado por comentar.

Deu para entender a ideia. Veremos agora o que acontecerá, para fazer conclusões.

Volte sempre

ASCENDENS ASCENDENS disse...

VER O ARTIGO

http://ascendensblog.blogspot.pt/2017/03/dubia-dubia-dubia-dubia-dubia.html

TEXTOS ANTERIORES