19/04/13

ASCENDENS - Pedido de Desculpas


Em três anos o blogue subiu cerca de 12X (número de leitores). Isto tem o seu desconforto: não me agarrei à "subida", não interpreto a quantidade como qualidade. Assim acontece por vezes como hoje: por volta das 8 da manhã, redigi e publiquei o artigo "Pequena Reflexão - O Liberalismo e a Obediência" que tinha em mente, e com ele despejei o sono que tinha. Felizmente, nestes casos, e sobretudo de manhã, não é o conteúdo que se emperra e sim a forma. Escrevi e publiquei sem ler... li agora e corrigi.

Em geral, acontece um pouco assim: concentrado no conteúdo e semântica acabo por roubar um pouco à sintaxe. Escrever não é uma doçura, ou o é muito raramente, e ler é pior: não me agrada tropeçar constantemente num texto cheio de imprecisões e ambiguidades (ou desonesto), isso traz-me um desconforto que chega a ser dor. Em muitas ocasiões, em anos passados, respondi "prefiro ler o manual de instruções" de um electrodoméstico qualquer. Hoje melhoro dizendo: prefiro ler um manual de instruções bem feito, ou então qualquer coisa escrita por um santo.

Há dias em que corrijo varias vezes um artigo que já publicado (sim...várias vezes!). É frequente que a forma esteja aquém do conteúdo ou muito aquém da intenção (isto deve acontecer a muita gente). Ainda na semana passada corrigi um artigo meu que me deixou envergonhado perante mim, não pelo conteúdo, graças a Deus, mas porque me faltou sujeitá-lo ao método final: inverter a ordem de preocupação colocando a sintaxe em primeiro, depois a semântica e finalmente o conteúdo ou intenção.

Os artigos são como ideias que encarnam, por isso, sabendo eu das minhas limitações e também das possibilidades, sempre informei os leitores que os artigos ASCENDENS estão sujeitos a evolução verdadeira: quase nunca estão qualitativamente terminados, mesmo que possam estar terminados em extensão e na estrutura.

Queria o leitor desculpar os incómodos desta metodologia lenta, mas orgânica, com publicações tão rápidas que escapam à prévia auto-censura.

2 comentários:

Resistência Católica disse...

Não se preocupe! Não vai ser isso que vair tirar o brilho desse blog! Continue! Ânimo! Avante!

ASCENDENS ASCENDENS disse...

Resistência Católica,

Obrigado por comentar.

Sim, concordo! A metodologia que uso, embora não seja para "dar brilho" acaba por dar vantagens ao blogue.

Não me queixo, pelo contrário, apenas pretendo que os leitores não sejam surpreendidos negativamente por não saberem o que se passa.

Volte sempre.

TEXTOS ANTERIORES